Crise do capitalismo e suas consequências

Timeline created by Enzo Mendes Lacerda
In History
  • Crise de 1929

    Crise de 1929
    A Crise de 1929, também conhecida como Grande Depressão, foi uma forte recessão econômica que atingiu o capitalismo internacional no final da década de 1920. Marcou a decadência do liberalismo econômico, naquele momento, e teve como causas a superprodução e especulação financeira.
  • Crise de 1932

    Crise de 1932
    A Revolução Constitucionalista de 1932 foi uma revolta ocorrida no estado de São Paulo contra o governo de Getúlio Vargas. As elites paulistas buscavam reconquistar o comando político que haviam perdido com a Revolução de 1930 e pediam a convocação de eleições.
    Embora tivessem perdido sua hegemonia política, os paulistas apoiaram Vargas com a esperança de que ele convocasse eleições para a Constituinte e presidente. Assim,no dia 23 de maio de 1932,aconteceu um ato político a favor de eleições.
  • Crise de 1970

    A crise estrutural do capital que emergiu em meados da década de 1970, inaugurou uma nova temporalidade histórica do desenvolvimento civilizatório, caracterizada por um conjunto de fenomenos sociais qualitativamente novos que compõem a fenomenologia do capitalismo global
    Ele surgiu com a grande crise da década de 1970 e implicou outra natureza da dinâmica social capitalista que se distingue radicalmente de outras épocas historicas.
  • Crise de 1956 a 1991

    Crise do Petróleo
    Essa crise foi desencadeada a partir do déficit de oferta do petróleo, que gerou o conflitos entre os processos de nacionalização dos países envolvidos entre regiões petrolíferas. Entre 1956 e 1991, o mundo sofria com essa prolongada recessão econômica, que relacionou-se aos conflitos dos produtores árabes da OPEP. A OPEP envolvia uma reivindicação frente a política de altos custos das sete irmãs, : Standard Oil, Royal Dutch Shell,
  • Crise econômica mundial de 2008

    A crise global de 2008 também foi iniciada nos Estados Unidos, mas diferente do que aconteceu em 1929, essa foi uma crise financeira. Foi um colapso no sistema de especulação, decorrente da chamada bolha imobiliária. Antes do estouro dessa crise, os juros estavam baixos e havia crédito abundante no mercado americano. Isso significa que as pessoas tinham facilidade em conseguir empréstimos e os juros que pagariam por eles era baixo.
  • Continuação/2008

    Como a inflação no país estava aumentando, o governo precisou aumentar a taxa de juros. Isso levou ao “esfriamento” da economia e à desvalorização dos imóveis. Assim, grande parte das pessoas que havia realizado empréstimos não conseguiu mais pagar suas dívidas. Como essas dívidas estavam sendo negociadas pelos bancos de investimento no mundo todo, essa crise econômica gerou um efeito dominó, que levou ao colapso de diversos bancos.
  • Crise de 2020

    Crise do coronavírus 2020 A pandemia de coronavírus desencadeou uma crise econômica que cresce como uma avalanche.
    Com a Europa se tornando o epicentro da pandemia e os Estados Unidos em uma emergência nacional, os governos estão fazendo o máximo para tentar limitar o impacto econômico